Opala Diplomata: sinônimo de requinte

Opala Diplomata de 1989 está em perfeito estado de conservação e foi um dos ícones do luxo sobre quatro rodasRenato Bellote

Mas vamos voltar no tempo. Na década de 60 o mercado pedia modelos mais luxuosos. Havia uma demanda por eles. Alguns deles se encaixavam como Simca Chambord e Aero-Willys para suprir essa necessidade. Mas o brasileiro queria algo novo e mais moderno. E a Chevrolet viu no Opel Rekord a possibilidade de trazer algo diferente.

A década de 70 viu o surgimento da versão SS, uma reestilização bem-vinda e também a chegada do lendário motor 250-S, com o som característico das válvulas. Mas no começo da década de 80 a marca resolveu lançar o seu trunfo para o mercado de luxo: a versão Diplomata.

Leia mais...



Leia Mais.